MISTÉRIOS DE NOSSAS VIDAS

No suave mistério dos espaços, a Terra escura e triste se povoa e nos conduz. Não diríamos assim, pois o amor é sublimado. Na solidão dos meus pensamentos vivo momentos de angústia e paixão, reverbero minhas ânsias e intimidades, no calor da alma e refrigero do coração. A válvula propulsora é para mim uma fonte de bondade e de amor ao próximo, mesmo assim considero-me imperfeito, mas em busca da perfeição.

Calar ante os erros alheios é amor no coração. Estamos incólumes, somos inócuos, temos jaezes e procuramos ficar janotos e justapor os nossos desejos a todos outros sentimentos, somos loquazes, mas às vezes a nódoa pode manchar as nossas atitudes pueris. A vida não é para ser “suportada” ou “aguentada”, ela tem que ser “vivida”, louvada em seu conteúdo belo e atraente. Caminhando pândego deixamos de (ser) sermos pérfidos mantendo-nos recônditos dos nossos inimigos e a vontade é de ruar sem rumo e sem destino.

Que o amor seja a genitura feliz e enobrecedora de uma vida a dois sem percalços e sem sofrimentos. O ínclito pode ser o impositivo do indumento carnal, cuja válvula propulsora sofre influenciando os nubentes, os enamorados e aqueles que têm o amor como fonte de vida e prazer. Prescrevendo, procriando ambientes salutares, ou psicosfera sintônicas no psiquismo recalcitrando nas vontades relevantes de amar e ser amado. Sem regra medida e proporção, apenas para imantar os versos, de alegrias, tristezas e ilusões destinadas ao meu coração.

Procuramos mudar sempre, mas a insegurança maltrata e nos faz infeliz. As esperanças se esvaem sem proporções e o nosso coração se recata em nossas ilusões. Falando de mim almejo um dia a felicidade para sarar as feridas do meu coração. Posso me transformar num poeta maluco por natureza. Poeta maluco eu queria ser e do puro vinho quero provar, para minha mente esclarecer essa bebida vou tomar. Apondo lado a lado versos e reversos, de ideias desconexas vivem os poetas construindo o belo que encanta o nosso labor matutino.

 

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-FORTALEZA/CEARÁ

 

Exibições: 215

Comentar

Você precisa ser um membro de revista virtual metamorphosis para adicionar comentários!

Entrar em revista virtual metamorphosis

Últimas atividades


Escritor
Posts no blog por Paolo Lim

GOROROBA

Comida o vento não leva;Quem tem estômago tem pressa.É pela barriga que se chega ao…Ver mais...
11 horas atrás
Nieves Merino Guerra é agora um membro de revista virtual metamorphosis
domingo

Escritor
Posts no blog por Paolo Lim

REFLEXÕES

Nem um vacilo de luz do sol -no quarto escuro sinto-me especial,crio luz,…Ver mais...
4 Jan

Escritor
Posts no blog por Valcirene Bezerra

Recomeço Eu já quase desisti de muitas coisas Até a vida já quase me venceu... Minha determinação me fez prosseguir Eu recomeço quantas vezes forem necessárias Cada minuto é um recomeço... Lady Val15…

Recomeço Eu já quase desisti de muitas coisas Até a vida já quase me venceu... Minha determinação me fez prosseguir Eu recomeço quantas vezes forem necessárias Cada minuto é um recomeço... Lady Val…Ver mais...
2 Jan

Escritor
Zélia Mendonça Chamusca comentou a postagem no blog * - COLO DE MENINA - * de Leinecy Dorneles
"Parabéns pelo original e interessante poema."
1 Jan

Escritor
Posts no blog por Zélia Mendonça Chamusca

Mais um ano que passou

 Mais um ano que passouNa vida de todos nós,De toda a natureza,E de toda a…Ver mais...
1 Jan
Leinecy Dorneles compartilhou o post do blog deles em Facebook
30 Dez, 2017
Leinecy Dorneles marcou como favorita a postagem no blog * - COLO DE MENINA - * de Leinecy Dorneles
30 Dez, 2017
Posts no blog por Leinecy Dorneles

* - COLO DE MENINA - *

* - COLO DE MENINA -*                                     Menina, faceira mulher,…Ver mais...
30 Dez, 2017

Escritor
4 posts do blog de Zélia Mendonça Chamusca foram destacados
30 Dez, 2017
Leinecy Dorneles é agora um membro de revista virtual metamorphosis
30 Dez, 2017

Escritor
Zélia Mendonça Chamusca comentou a postagem no blog Sem título de Zélia Mendonça Chamusca
"Desejo a todos os membros desta cultural  Revista Metamorphosis, bem como à sua criadora, Anna Karenina, um muito FELIZ  ANO NOVO. ZCH"
30 Dez, 2017

Escritor
Posts no blog por Zélia Mendonça Chamusca
30 Dez, 2017
Ícone do perfilAlguém deu um presente para Paolo Lim
21 Dez, 2017

Escritor
Paolo Lim comentou a postagem no blog VENTO de Paolo Lim
"Zélia Mendonça Chamusca: Seus elogios me calam fundo. A benção ! Bjs do Paolo."
20 Dez, 2017

Escritor
Paolo Lim deu um presente para Zélia Mendonça Chamusca
20 Dez, 2017

Escritor
Paolo Lim e Zélia Mendonça Chamusca agora são amigos
20 Dez, 2017

Escritor
Posts no blog por Zélia Mendonça Chamusca

É Jesus que vai chegar

 Celebremos o NatalÉ Jesus que vai chegarEvento fenomenalQue nós vamos…Ver mais...
19 Dez, 2017

Escritor
Zélia Mendonça Chamusca comentou a postagem no blog Naquela terra distante... de Anna Karenina
"Uma maravilhosa terra distante inspiradora dum belíssimo poema. Parabéns Grande Poetisa Anna Karenina!"
19 Dez, 2017

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Anna Karenina.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

U