outubro 2009 Posts no Blog (25)


Escritor
INVERNO

A chuva espalhada
Sobre a terra molhada
Faz o frescor do vento
Iluminar minh'alma
Como um sol de guarda chuva
Mas a tristeza me dilacera o coração
Quando percebo
Que nuvens mórbidas
Escurecem o céu do meu luar
A alegria já é uma tática bem longínqua
Que voltamos a praticar
Pensaremos assim
E assim seguiremos
Pois...
Agora a nossa estação é inverno
Ou inferno???

Adicionado por Josue Ramiro Ramalho em 26 outubro 2009 às 12:42 — 1 Comentário


Escritor
HORA DO TÉDIO

É fria esta noite

Encontro-me só

Tristezas e pesadelos me afrontam

Minhas sensações

Parecem mudar a trajetória da lua

Sei que

O resto de vida sofrida, já não é mais poesia

Vôo solitário no espaço etéreo

Se quero viver ou morrer, não sei

Tudo faz sentido

Quando o morrer já não é lógico

Estou sem lógica na vida

As sensações abalam e confundem

O sentido dessa jornada

Cometer erros, sei, cometemos sempre

Tentando… Continuar

Adicionado por Josue Ramiro Ramalho em 26 outubro 2009 às 12:30 — 1 Comentário


Escritor
Repensando meu dia

Outro dia

Acordei com o canto do galo

Que na madrugada

Ditava a noite em horas do tempo

O respingar de estrelas cadentes em lua crescente

Assediava a falange de seres disperços

No amanhecer do dia que tanto ameaçava raiar

Gotículas de céu intumesciam folhagens

E o clarear da estrela maior

Difundia um balé de cores mórbidas

No meu soliloquiar

Vilipendiei minhas excrescências quando a imensidade universal

Atestou mais uma noite… Continuar

Adicionado por Josue Ramiro Ramalho em 26 outubro 2009 às 12:05 — 1 Comentário


Escritor
MEUS MEDOS

Terei medo de enfrentar o amor

Esse amor de entrega abrupta

Amor que é fantasia e insegurança

Terei medo de enfrentar a luta e outras lembranças



A luta em busca dos salários, do emprego, da paz

Terei medo da minha fragilidade

Porque ela é frágil demais



Terei medo da incompetência desses governos

E da angústia do meu povo

Terei medo do que está velho

Estou com medo do novo!



Terei medo do que faltou aprender

E faltou… Continuar

Adicionado por Josue Ramiro Ramalho em 26 outubro 2009 às 12:00 — 1 Comentário


Escritor
Quase afundando!... Tua vida em completo estardalhaço, tua alma já estava mergulhada na escuridão, teu corpo talvez não agüentaria tamanho tormento, aquele homem parecia arrastar-se num mar de lama, …



Quase afundando!...

Tua vida em completo estardalhaço,

tua alma já estava mergulhada na escuridão,

teu corpo talvez não agüentaria tamanho tormento,

aquele homem parecia arrastar-se num mar de lama,

tuas aflições não lhe davam tréguas,

surgiam como se fosse do nada,

fisgadas semelhantes a agulhas pontiagudas,

a todo instante, que momentos infelizes!

A felicidade do viver, passava longe daquele… Continuar

Adicionado por José Lourenço Florentino em 22 outubro 2009 às 21:36 — 1 Comentário


Escritor
Queria ser







Quando terminares de ler este poema,

compreenderás o meu querer ser,

naqueles tempos, há algumas décadas,

que nasci: mil novecentos e quarenta e cinco,

o mundo asfixiado pela grande guerra,

respira aliviado, pois a sangrenta luta passou,

quantas vidas destroçadas, quanto sangue derramado,

a tormenta que aniquilou ideais humilhando, massacrando,

foi substituída por uma incrível inefável… Continuar

Adicionado por José Lourenço Florentino em 21 outubro 2009 às 19:35 — Sem comentários


Escritor
Esta doce ilusão!



O sangue pulsa em minhas veias,

Sinto aos poucos, meu coração acelerar

E um nervoso miudinho toma conta de mim.

Lembranças surgem em minha mente....

De mim... de ti... de um nós que vibra

Dentro do meu peito...

E em meus sonhos está teu corpo,

Em meus desejos, teu cheiro...

Em meu ser... estás tu.

Contenho-me nesta ânsia louca

De querer o que não tenho...

E neste estado… Continuar

Adicionado por Catarina Paula Camacho em 21 outubro 2009 às 7:34 — 3 Comentários


Escritor
Não quero ser...

Não quero ser teu porto de abrigo

Uma alma penada ao teu serviço.

Alguém que já não brilha com sua presença

Que já não sorri ao teu toque.

Que já não renasce ao teu olhar.

Não posso viver, presa a um destino que não é o meu....

Que não tenho que seguir...

Que não faz parte de mim...

Não posso ser mais tua,

Pois a tua verdade é a minha mentira

A tua vida é a minha morte.

A tua sobrevivência é a minha despedida.

Por isso peço-te...… Continuar

Adicionado por Catarina Paula Camacho em 20 outubro 2009 às 8:25 — 1 Comentário


Escritor
NORDESTINOS

Crianças, homens, mulheres

Esse povo cabra da peste

Come o pão que o diabo amassou

Sofre as dores que no tempo legou

Mas labuta em sua terra o Nordeste

Demonstra as vezes suas secas lágrimas

Nostálgicas ou de pouca alegria

Enfrenta sofrível sua jornada

Colhendo nessa terra cansada

O que a seca negou mais um dia

Perdeu a felicidade que ainda nem encontrou

Espírito cansado de tanto lutar

Não esmorece em momento algum

Levanta e… Continuar

Adicionado por Josue Ramiro Ramalho em 15 outubro 2009 às 21:54 — 1 Comentário


Escritor
Não quero ter mais medo!

Este sentimento que me assola

Que termina e recomeça em mim....

Este estado de alma sentido

Que atormenta todos os meus sonhos...

Fervem dentro deste meu ser,

Fazem-me alucinar, delirar... tremer....

Este estado já nostálgico...

Que quebra tudo e nada reconstrói

Que aumenta esta ansiedade de não ter mais

Prendem-me a este presente.... quase sem futuro.

Este medo... de não poder mais sentir

De não poder mais ver para alem dos… Continuar

Adicionado por Catarina Paula Camacho em 15 outubro 2009 às 9:23 — 2 Comentários


Escritor
POR QUE SOFRES?

“POR QUE SOFRES?
POR QUE TE DEPRIMES?
SE A VIDA CORRE EM SUAS VEIAS!
ALEGRA-TE JOVEM CRIATURA DE DEUS! SORRIA PARA A VIDA!
A VIDA É MARAVILHOSA,
E ELA SO-LO-É,
QUANDO A FAZEMOS SER MARAVILHOSA!
SE SOU JOVEM,
QUEM-ME-Á,
DE ARRANCAR A ‘FELICITÁ’
(FELICIDADE EM FRANCÊS)!
BJ NA TESTA!
ME ACESSA!
ASS: TEU MESTRE!”
PROFESSOR AHC EM PAPO
NO “MSN”AQUI E AGORA,JÁ!

Adicionado por ALEXANDRE HELENO DE CASTILHOS em 15 outubro 2009 às 2:14 — 1 Comentário


Escritor
Pingo de gente...

Minha vida

é um pequeno carrossel,

colorido

a ponto de se misturar as flores

que foram plantadas num jardim,

pelas mãos de Deus.



Tem em seu centro um coração,

que bate sem parar,

pulsando pelo gosto da vida,

pelo gosto de saber amar.



Amar as pessoas que estão ao meu lado,

me olhando,me aconselhando,

me fazendo feliz e nunca me fazendo chorar.



Meu carrossel tem os olhos voltados para o céu,

de onde tiro o mel… Continuar

Adicionado por jairo ferreira de matos em 12 outubro 2009 às 14:13 — 2 Comentários


Escritor
Trajetória_Sidnei Piedade

Nesta longa trajetória tenho muito o que contar, pois os caminhos são estreitos e lisos onde a gente passa a escorregar. Caneta...papel... e palavras, são amigos em meu íntimo que tanto me confortam, pois desabafar é o que importa. Vou escrevendo minhas dores...rabiscando meus amores e sonhando nos meus delírios. Com o peito cheio de dor , choro em pensamento...e com o coração aberto vou escrevendo poesias de amor. Amor...carinho... e afeto , todos… Continuar

Adicionado por Sidnei Piedade em 10 outubro 2009 às 17:08 — 2 Comentários


Escritor
Meu tributo a você_Sidnei Piedade

A vida é um verso de inspiração que vem quando descobrimos a intensidade de nossa emoção. Você é o brilho de minha alma, alegria e energia que me ajuda a levar minhas prosas e versos nas asas da imaginação. É uma dádiva de Deus...e juntos vamos caminhando nesta longa estrada da vida, em busca de nossos sonhos e ideais com muita fé e esperanças. Você é um anjo enviado pelos céus é virtual eu sei.....mas tem uma nuance real em meu coração, pois quando… Continuar

Adicionado por Sidnei Piedade em 10 outubro 2009 às 17:06 — 2 Comentários


Escritor
Sonho fantasia_Sidnei Piedade

Sonhofantasia 2.pps

Adicionado por Sidnei Piedade em 10 outubro 2009 às 17:03 — Sem comentários


Escritor
Extra! Extra! Extra!

Athor-cantor-intérprete-e-author de textos publicados em hdtp://mural dos escritores.ning.com e várias outras páginas e blogs da internet o também professor?(licenciado em humanas e pós graduado em gestão escolar ALEXANDRE HELENO DE CASTILHOS , se encontra residindo agora e ministrando aulas de sociologia e filosofia em dois colégios públicos de ensino médio em Joinville.

Em seção de gravação de entrevista, para várias de suas páginas pessoais… Continuar

Adicionado por ALEXANDRE HELENO DE CASTILHOS em 6 outubro 2009 às 15:58 — 1 Comentário


Escritor
Já não estou mais parado (o professor).

Energizei-me.

O que antes me fazia desistir.

Parar.

Entristecer.

Chorar.

No agora me fortalece.

Descartei as depressões.

Revigorei-me.

Nem toda a tristeza é lúcida.

Nem todo o sofrimento é “beco”.

Ainda existem buracos na parede por onde se há de passar.

Portais na mente.

Encontros conscientes.

E a renovada força de vontade de seguir.

De não desistir.

De resistir.

Se a educação é falha e o mundo está banhado em… Continuar

Adicionado por ALEXANDRE HELENO DE CASTILHOS em 6 outubro 2009 às 15:55 — 1 Comentário


Escritor
Para aquela que se foi. AHC-DIUB FÔSTER.

Lembro...

Que por tantas vezes...

Apreciei o teu perfume...

Sem perceber que o tempo é curto para a vida feliz...

A vida passa...

E muito depressa...

Por vezes...

Perdemos aquilo que mais apreciamos ter...

Viver...

Fazer...

Na distonancia das…

Continuar

Adicionado por ALEXANDRE HELENO DE CASTILHOS em 6 outubro 2009 às 15:30 — 4 Comentários


Escritor
LAÇOS RUMINANTES

Laços ruminantes

Nos atos verme antigo enche vasos

Entalhes febris vasos cheios de ervilhas

Vergou verduras cabeças incríveis de alface

Verde estridente cria chapéu

Esse movimento interior de desejo ou a prática da alegria

Identidade escondida em dias de bruxa

As lilases vassourinhas varrem do leste para oeste

Na lilás estrada varro mal expulso verso.

Limítrofe piedade silvo agudo das serpentes

Suplício ou violento tormento

Lance difícil em… Continuar

Adicionado por Neuza Ladeira em 4 outubro 2009 às 18:36 — Sem comentários


Escritor
El Arte de Dios



He pintado

ramas enjoyadas

en las ventanas del corazón

y cojines de terciopelo

sobre los sillones sacros

de la pobreza…



Sobre las paredes del boudoir

he pintado con acuarelas:

cumbres inviolables,

hayales y jardines,

pastizales y fincas.



Levanté con cuidado

balaustradas de mármol

sobre desniveles morales,

y decoré con tartán

el Arte de Dios.





©… Continuar

Adicionado por Eleonora Ruffo Giordani em 3 outubro 2009 às 17:50 — 1 Comentário

Arquivos mensais

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

1999

Últimas atividades


Escritor
Antonio Paiva Rodrigues adicionou uma discussão ao grupo CONTOS, CRÔNICA, PROSA E MUITO MAIS...
Miniatura

OS ASPECTOS DA VIOLÊNCIA

OS ASPECTOS DA VIOLÊNCIAA indignação populacional pelos…Ver mais...
1 hora atrás

Escritor
Posts no blog por Antonio Paiva Rodrigues
1 hora atrás
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet

Escritor
Manuel Mar compartilhou o post do blog deles em Facebook
9 horas atrás

Escritor
Posts no blog por Manuel Mar
9 horas atrás

Escritor
Mileidi Consalter comentou a postagem no blog NOSSOS AVÓS QUERIDOS - (ACROSTICO( de Maria |Helena Campos da Paz
"Que lindo minha amiga Saudades bjos Fica com Deus"
14 horas atrás

Escritor
Mileidi Consalter marcou como favorita a postagem no blog NOSSOS AVÓS QUERIDOS - (ACROSTICO( de Maria |Helena Campos da Paz
14 horas atrás

Escritor
Posts no blog por MARCANTONIO DE OLIVEIRA

AS DIMENSÕES

 As Dimensões  Um dia sentamos em qualquer lugarE por ali ficamos entre a terra e o…Ver mais...
20 horas atrás

Escritor
Posts no blog por Sidnei Piedade

Você me completa_Texto_Sidnei Piedade_Imagem JG

Não imaginei que um dia te amaria com tanta intensidade , você chegou em minha vida trazendo nossos sonhos....desde que meus olhos encontram os seus. Você é meu grande amor , te amo mais do que você possa imaginar , és minha vida que quero…Ver mais...
ontem

Escritor
Manuel Mar compartilhou o post do blog deles em Facebook
ontem

Escritor
Manuel Mar compartilhou o post do blog deles em Facebook
ontem
Ícone do perfil via Twitter
Twitterontem · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitterontem · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitterontem · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Twitterontem · Responder · Retweet

Badge

Carregando...

© 2017   Criado por Anna Karenina.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

U